Novas regras de câmbio favorecem o uso de cartões na Argentina

Novas regras para cartões de crédito se somaram ao câmbio favorável e aos preços menores do país vizinho

Paisagens incríveis, experiências inesquecíveis, destinos de aventura? Relaxar em um spa, aproveitar massagens e águas termais? Ou viver a vida noturna, a cultura, a gastronomia e as compras? Quem viaja pode estar em busca de diversos tipos de atrações, mas uma coisa é comum a todos os perfis: todos esperam conseguir mais pelo seu dinheiro. É justamente essa equação que está fazendo com que os brasileiros busquem cada vez mais destinos na Argentina.

Há algum tempo os turistas perceberam que uma passagem de São Paulo para Buenos Aires podia ser mais barata que uma passagem para o Rio de Janeiro. O câmbio, que é uma das grandes preocupações de quem vai viajar, está extremamente favorável aos brazucas na Argentina.

E, para unir o útil e o agradável, os cartões de crédito Visa e Mastercard agora fazem a conversão das compras e despesas no país vizinho utilizando uma taxa de câmbio muito mais favorável — o “dólar MEP”, chamado popularmente de “dólar tarjeta”, que é muito próximo do câmbio paralelo. Com isso, ao fazer compras e pagar despesas na Argentina, o turista se beneficia de uma taxa muito melhor, não precisa mais ficar trocando dinheiro vivo por dólares — e ainda ganha alguns dias para pagar, até a data do vencimento da fatura.

Outra vantagem extra é que, na Argentina, quem paga o hotel com cartão de outro país está isento do imposto sobre valor agregado (IVA), que em tantos outros países acaba inflando o preço da hospedagem.

Opinião do Marcos Paulo

Por muito tempo o uso de cartões na Argentina, sejam eles de crédito, débito ou pré-pago, foi desaconselhado, isso porque a cotação utilizada na conversão era cerca de 50% menor do que a obtida no câmbio paralelo. Com as mudanças regulamentadas pelo governo argentino, essa situação passa a mudar, visto que com o incentivo a conversão se aproxima da praticada no câmbio paralelo.

Particularmente, gosto muito de utilizar cartões para realizar meus pagamentos, seja por conta da praticidade quanto pela maior segurança oferecida. Na Argentina, por conta da elevada inflação, é comum visualizar cenas de pessoas carregando grandes volumes de cédulas de dinheiro, situação que é extremamente desconfortável para os viajantes.

Ainda que a melhor opção seja a troca por papel moeda no câmbio paralelo, o uso de cartões volta a ser uma opção viável para aqueles que pretendem visitar nosso país vizinho.

Clube de Mentoria

No meu Clube de Mentoria você vai aprender:

  • Como conseguir os melhores cartões de crédito – Black, Infinite, Nanquim, Diners e The Platinum Card;
  • Como acumular pelo menos 1 milhão de milhas aéreas por ano;
  • Como ter acesso gratuito e ilimitado às salas VIP;
  • Como viajar de Classe Executiva.

Não é um curso – é uma comunidade no WhatsApp, onde você pode falar diariamente comigo e com a minha equipe, além de trocar informações e dicas com os demais membros. Um espaço onde você vai aprender muito diariamente e vai transformar o seu dia a dia e as viagens com conteúdo valioso!

Clique aqui para saber mais.

Você pode se interessar

Deixe um comentário