Itaú e CVC lançam o programa Viaje Sempre

O banco Itaú lançou hoje, 5 de setembro de 2022, um novo serviço de assinatura de viagens para seus clientes dos cartões de crédito. Em parceria com a CVC, trata-se de um programa de poupança programada com depósitos mensais para quem tem objetivos de viajar pela empresa de turismo parceira.

“Vimos uma oportunidade de oferecer uma solução para uma dor de nossos clientes, com uma proposta de valor bastante interessante para aquelas pessoas que já conseguem poupar algum dinheiro durante o mês, mas ainda não têm a prática e o hábito de economizar para um objetivo específico – ou até mesmo tempo para esse planejamento”

explica Carlos Formigari, diretor do Itaú Unibanco.

Todos os meses o valor, determinado pelo cliente, é cobrado em seu cartão de crédito. A parcela do Viaje Sempre, como é chamado o serviço, possui o valor mínimo de R$ 50,00 e máximo de R$ 2.000,00, sendo cobrada junto da fatura do cartão. A principal vantagem do programa é o oferecimento um bônus de 10% mensal sobre o valor de cada depósito. Se a sua parcela do programa é R$ 1.000,00, serão adicionados mais R$ 100,00 a cada mês para o resgate de uma viagem ou pacote junto a CVC.

“O modelo de assinatura já é bastante comum em outros segmentos, mas ainda tímido no setor de turismo. Identificamos um bom potencial de atender tanto quem já gosta de se planejar para viajar, quanto quem ainda não tem essa prática”

explica Formigari.

Não existe prazo definido para resgate do valor depositado na assinatura, o aplicativo sugere um determinado valor de contribuição com base na simulação realizada. O valor acumulado poderá ser usado a partir de 3 meses de contribuição para resgates de pacotes de viagem e diárias de hotéis no site da CVC. Na momento do uso, será gerado um voucher que pode ser utilizado na empresa parceira.

Caso o valor não seja suficiente para o pacote escolhido, o cliente pode completar o restante no ato da compra. Você poderá resgatar qualquer tipo de serviço oferecido pela CVC, não necessariamente precisa seguir o objetivo escolhido no momento da adesão.

No caso de desistência, o valor será integralmente devolvido em forma de saldo na fatura do cartão de crédito Itaú. Entretanto, os 10% de bônus serão descontados do montante. Ou seja, esse bônus a mais só vale para resgates na CVC. Caso você mude de ideia perderá o benefício e seu dinheiro não terá rendido nada no período em que ficou na assinatura.

Como contratar?

Veja a seguir o passo a passo para contratar o serviço.

Vale a pena?

O programa é semelhante ao consórcio ou a um título de capitalização, instrumentos financeiros muito utilizados para criar uma disciplina de economia mensal, nesse caso o bônus de 10% pode ser um atrativo para a comercialização do plano.

Ao meu ver o programa pode fazer sentido para quem já utiliza com frequência os serviços da CVC, visto que a contratação de serviços em agências de viagens via de regra gera um custo maior do que em buscas independentes.

No momento econômico atual vivido pelo Brasil investimentos que remunerem 10% ao ano não são tão difíceis de serem encontrados, então basicamente o programa vai corrigir o montante acumulado pelos índices como CDI e IPCA.

Já se você desistir e não quiser utilizar o saldo acumulado em alguma viagem terá ele devolvido em sua fatura, sem nenhuma remuneração no período, o que tratar-se-á de uma perda.

Você gostou da novidade? Conte para a gente nos comentários.

Você pode se interessar

Deixe um comentário

Cartões, Milhas e Viagens. Tudo está interligado. Você faz compras no cartão de crédito para acumular milhas aéreas e viajar.

Copyright 2022 © Cartões, Milhas e Viagens